terça-feira, março 20, 2007

67- GRUPO SERGIO

Consta que foi a primeira rede de pizzarias “rodízio” de São Paulo. Isto lá pelo anos 70, muito tempo atrás...

Pois é, Elaine e eu sempre fomos apaixonados por pizza, mas, recém-casados, não tínhamos “um tostão furado” sobrando. Vivíamos na “maior pindura”.

Esforçávamo-nos para economizar. Assim, quando “sobrava um dinheirinho”, planejávamos um passeio, um jantar em grande estilo.

Nosso “programão” típico era o seguinte:

Saíamos de casa a pé pela Av. Domingos de Moraes, um longo caminho até um enorme restaurante do Grupo Sergio, todo iluminado e cheio de mesas. Ali, comíamos, cada um, dúzia de pedaços de pizza dos mais variados sabores, de vez em quando acompanhados por uma bebida dividida entre os dois - porque era cobrado à parte.

Voltávamos, logicamente, a passos lentos, para ajudar a digestão daquela montanha de pizza e para economizar o dinheiro do ônibus. Conversávamos, mãos dadas sobre o que íamos vendo pelo caminho e sobre assuntos que nos vinham à mente no momento. Pura simplicidade; pura felicidade.

Deus nos brindou depois com uma vida bem menos apertada, e tivemos oportunidade de saborear pratos finos em restaurantes mais sofisticados. Talvez não tão apreciados quantos as pizzas do rodízio do “Grupo Sergio”.

32 comentários:

Lou Mello disse...

Grupo Sérgio, lembro do lugar que você descreveu. Estive lá, com certeza. Talvez, tenhamos nos esbarrado em alguma oportunidade. Salvo engano, o proprietário do Grupo era um médico.

Vilma disse...

São tempos tão especiais.. :D!
Quando eu e o meu marido vivemos tempos desses, com os bolsos furados, falávamos que éramos pobretes mas alegretes!

Alex Liki disse...

A minha com bastante champignon por favor...!
;)

Anônimo disse...

eu tbem tenho saudades daquela epoca, fui muito no grupo sergio da domingos de moraes e da radial leste. eu tbem era pobre, mas feliz.

directem disse...

Pra mim só www.cervejas.ind.br já esta bom hoje no dia da pizza.

Anônimo disse...

Um dos Donos do grupo Sérgio era um médico sim, o Dr. Alberto Saraiva, dono do Habib's....

Ana disse...

trabalhei no período de 87 a 88, na Rua Leite de Moraes, me chamo Ana Paula, era cobradora, gostaria de manter contsto com pessoas q trabalharam la.
Obg

gilson victor disse...

Ana, que trabalhou no Grupo Sérgio! Você tem fotos de lá? Do loal, suas ou dos colegas? Assim seria mais fácil identificar

Anônimo disse...

Boa tarde!

PARA


Ana Paula,

Tudo bem? vi seu comentario adorei, será que vc conheceu a Maria do Carmo que trabalhava na parte do Escritorio, estou a procura dela se vc souber alguma coisa me mande e-mai, marcelo597@hotmail.com bjs..
Sempre frequentei o Grupo Sergio da Leite de Moraes, quando comecei a trabalhar em Santana onde estou até hoje, sinto falta... abraços

francisco das chagas pinto disse...

trabalhei em uma empresa que prestava serviço de segurança para os restaurantes do grupo sergio na epoca trabalhei na domingo de morais,luis goes,vergueiro,lembro sempre da quela casa lotada de jente comendo esfirra e piza!era legau!

celio disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
celio disse...

Eu trabalhei entre 81 e 82 no grandão que era em SÃO JUDAS, tenho vontade de encontrar o Alejandro que era um chileno que servia bebidas e fazia albuns de fotos. Tambem tenho vontade de encontrar o Flavio e o Chico que eram do Rio Grande do Norte, gente fina os dois. A gente juntava uma turma pra ir dançar depois das 23h00 de sábado no PATROPPI, uma danceteria que ficava na Rua Cubatão. Na època era o Máximo... Tenho bastante foto da época de São Judas, inclusive um final de ano inesquecivel.. regada a muita bebida e comida.. foi ótimo. Os donos de lá eram o SR RIE e o SR Sebastião..

Rubinho Osório disse...

Célio, pena que eu frequentei essa mesma loja no final dos anos 70... não nos encontramos!

celio disse...

Para quem trabalhou no GS SJudas fica uma dica: o Mauricio que era garçon e namorava a Jô que tambem servia bebidas, estava trabalhando ha um tempo atrás como gerente no Fiorino da Estação Conceição....

celio disse...

Quem sabe a gente nao se encontrou lá, só não sabiamos quem eramos, certo?

celio disse...

Lembro que a Glorinha era a moça que fazia a nossa folha de pagameto... Davamos um trabalhao para ela... E a Monica, uma tremenda gata, que ficava na recepção, e namorava o Junior que era um dos cobradores..... Fomos uma vez eu o Jr, a Rose uma morenaça e a Monica, no cinema assistir XANADU.. ACREDITAM??? E FOI LEGAL, VER A OLIVIA NEWTON JOHN DE PATINS!!!!! HA HA HA

Ângella gonçalves disse...

Boa Tarde... falo de Juazeiro do Norte-ceará, gostaria de uma informaçao muito importante... sou a Ângella gonçalves, venho por meio dessa mensagem, pedi informaçao de uma antiga funcionaria: Maria Marly Gonçalves Bezerra, ela é minha avó, perdemos contato com ela há 11 anos, estamos a procura dela, pois muitas coisas aconteceram e ela nunca foi informada de nada, como : o falecimento da minha bissavó...
por favor qualquer informação será muito útil.
Agradecemos desde já.
Anticiosamente.

angellamed disse...

Gente esse Grupo Sergio fica localizado próximo a essa Rua Tuiuti, paralela à Praça Silvio Romero?
minha mae lembrou, porquê ela ia lá com essa minha avó, Maria Marly gonçalves Bezerra...

Agradeço...
Atenciosamente...
Ângella gonçalves

email: miukroquista@hotmail.com

Anônimo disse...

Isso me faz lembrar a música Concheta, do Língua de Trapo que era assim:

Concheta
(Carlos Melo - Cassiano Roda)

Querida Concheta
Estô a te ligare
Pra te convidare
Pra manjare con me
Comê unas brachola
Queijo provolone
E na radiola
A Rita Pavone
Dispois unas pizza
Tipo califó
Tutte mezza a mezza
Ma que bruta esbórnia
Concheta,
vita mia,
ricorda aquele giorno
que nós fumo no ristorante,
no ristornate do Grupo Sérgio
e ocê parlô per me:
facchiano I’amore lá no meu beliche.
E eu te diche:
má logo agora que misturei
cocomero com aliche,
ocê vem me falá em amore,
em séquiço,
que eu tô com una bruta dolore no
duodeno…
E ocê parlô per me:
vá! má me toma um sar de fruta Eno.
E a dolore foi aumentando, eumentando,
aumentando
e io gritei pro garçon:
Chega de spaghetti
Suspende a escarola
Leva o capelletti
Tira o gorgonzola
Traz um sar de fruta
Dio, Dio tutta meia
Questa pastasciutta
Meu deu diarréia

Klaus Röthig disse...

Quatro anos depois do comentário de Lou Mello, corrijo: O Grupo Sérgio não pertencia ao médico dono do Habib's, Antonio Alberto Saraiva - que criou a rede dapois de assumir o posto de seu pai, assassinado num assalto à padaria da família - mas sim, a Sérgio della Crocci, que tinha sociedade em mais de 50 pizzarias - além de casas de esfiha, o que provavelmente causa essa confusão.

Rose disse...

Alguem pode por gentileza me informar o dia, mes,e ano em que foi inaugurado o Grupo Sergio localizado em São Judas obrigada

Maria do Carmo disse...

Olá Rubinho:
Moro em São Paulo.
Na década de 70 eu secretariava mas quando me vi desempregada fui trabalhar como recepcionista no Grupo Sérgio, na Brig.Luiz Antônio, esquina com a Paulista.
Era uma delícia! Os funcionários tinham o direito de participar, gratuitamente, do rodízio completo do Grupo Sérgio.
Quando saí de lá e voltei a secretariar, senti saudades hein!!!

Gilberto Buniotti disse...

Tive o privilegio de conhecer o idealizador do Grupo Sérgio,
casa que adorava freqüentar com minha família e amigos.
O "Mestre", como é tratado carinhosamente pelos amigos,
esta muito bem!
Tenho saudades do tempos do Grupo Sérgio.
Gilberto A. Buniotti

Anônimo disse...

Bons Tempos mesmo...Juntavamos a turma toda no sabado e iamos de onibus até o restaurante do Grupo Sergio da Av Sto Amaro...era divertido....!!!

Anônimo disse...

Trabalhei com O luiz garson amigo do Chiquinho ,Grupo Sergio da Radial Leste em 84 perdi contato com os dois quem conhecer me avise ...Francisco

Mimi Sampa disse...

Me lembro do Grupo Sergio e dessa loja tambem.

Tenho procurado por fotos e não encontro.

Josemar disse...

Na minha infância a minha família costumava ir a uma pizzaria do Grupo Sérgio em Pinheiros. Muito boa!

josenilsonpinheirodasilva pineiro disse...

eu trabalhei no grupo sergio da leite de morais em santana em 1989 gostaria de encontra antonisia ela era garçonete tem uma filha chamada ingrid.

Edilson Brambilla disse...

Boa tarde

Josenilson, você conheceu Maria do Carmo que trabalhou no escritorio?

josenilsonpinheirodasilva pineiro disse...

eu conheci mais não tinha muito contato por ela trabalhar na Escritório e eu no salão,tinha mais contato com Raimundo Gerente e messias Garçom joão Gerente a turma do salão cobradora cristina,só que perdi o contato com todos,único que encontrei foi messias em 2000 estava morando Guaianazies..






















































LauroRM disse...

Olá amigos. Eu trabalhei na Casa da Esfiha, do Grupo Sérgio, que ficava na Rua Domingos de Morais, esquina com a Luís Góes,foi no começo do ano de 1989. Tenho saudades das pessoas que eu conheci lá naquela época. Abraços.

Prof. André Drabach disse...

Olá! Eu trabalhei na pizzaria do Grupo Sérgio localizada na Av. Edgar Facó, em 2004, 2005 e 2006. Saudades daquele lugar!